O clamor de Maria

  • Dulce Helena Rizzardo Briza
Palavras-chave: alma, feminilidade, inconsciente, ambiente, ética.

Resumo

O desastre ambiental do vazamento de lama com rejeitos de mineração ocorrido em Mariana (MG) pode ser visto como expressão da putrefactio (putrefação) existente em relação à ética e aos valores do povo brasileiro. O acidente aconteceu em uma cidade com um nome feminino, na qual aspectos represados e ignorados da alma brasileira irromperam em forma de lama. Este artigo analisa o acontecimento e propõe um convite para que a sociedade utilize o barro a fim de dar forma a uma nova consciência. Maria não pode ser ignorada. Por meio do estudo de nossa história, nossa mitologia, no confronto com a sombra, no contato com nosso inconsciente coletivo, com o auxílio da anima, tem-se a chance da redescoberta de nossa identidade e de nosso destino.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dulce Helena Rizzardo Briza
Membro didata da Associação Junguiana do Brasil (AJB), da International Association for Analytical Psychology (IAAP), presidente do Instituto Junguiano de São Paulo (IJUSP). Membro fundadora do Instituto Junguiano do Paraná (IJPR) e do Instituto de Psicologia Analítica de Campinas (IPAC). Coordenadora da Comissão de Ética e do Núcleo “Alma Brasileira” do IJUSP. Autora do livro “A Mutilação da alma brasileira: um estudo arquetípico” e coautora do livro “Puer e Senex: dinâmicas relacionais”.

Referências

Alvarez, R. (2015). Maria. São Paulo: Editora Globo.

BBC Brasil. (2015, 24 de outubro). Como os furacões são nomeados. BBC Brasil. Recuperado em 22 de abril de 2016, de http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/10/151023_nomes_furacoes_cc

Briza, D. H. R. (2006). A mutilação da alma brasileira: um estudo arquetípico. São Paulo: Vetor Editora.

Francisco, Papa. (2016). O nome de Deus é misericórdia. São Paulo: Planeta do Brasil.

Hillman, J. (1984). O mito da análise. São Paulo: Paz e Terra.

Jung K., Shavitt S., Viswanathan M. & Hilbe, J. M. (2014, June 17). Female hurricanes are deadlier than male hurricanes. Proceedings of the National Academy of Sciences USA, 111(24), 8782-8787, doi: 10.1073/pnas.1402786111. Recuperado em 09 de março de 2016, de http://www.pnas.org/content/111/24/8782.long

Jung, C. G. (1990). Psicologia e alquimia. In Obras Completas (Vol. XII). Petrópolis, RJ: Editora Vozes.

Jung, C. G. (2000). Os arquétipos e o inconsciente coletivo. In Obras Completas (Vol. IX/1). Petrópolis, RJ: Editora Vozes.

Marques, J. (2016, 21 de janeiro). "Tsunami de lama" pode ser pior com ruptura de novas barragens. Folha de S.Paulo. p. B1.

Penna, l. (2009). Aparecida do Brasil – a madona negra da abundância. São Paulo: Editora Paulus.

Silva, C. (2016, 09 de março). Quatro meses depois, bombeiros encontram penúltima vítima da tragédia em Mariana. Estado de Minas. Recuperado em 21 de abril de 2016, de http://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2016/03/09/interna_gerais,741838/quatro-meses-depois-bombeiros-encontram-penultima-vitima-da-tragedia.shtml

Publicado
05-05-2016
Edição
Seção
Artigo de reflexão (ensaio)